quinta-feira, 31 de julho de 2008

De boas intenções o inferno está cheio

Há muito tempo vínhamos reclamando da falta de bons restaurantes em Chapecó, SC. Cidade onde tenho uma das unidades da minha agência de propaganda. Seguido, viajamos eu e meu sócio Sávio para trabalhar na cidade e sempre encontramos dificuldades, no que se diz respeito a gastronomia.
Enfim, na terça-feira da outra semana, decidimos experimentar um novo lugar que prometia ser uma revolução no cardápio de restaurantes de Chapecó. Furada! O ambiente é agradável e é perceptível o investimento feito, o clima dourado e aconchegante te enche de esperança numa terra onde não existem bons restaurantes, o atendimento, ainda que atrapalhado, é bem feito. Mas, o grande problema é que o principal de um bom restaurante não foi contemplado: a boa comida. Começou mal, pois o lugar se propõe a fazer rodízio de massas, uma desgraça pra quem tenta manter a qualidade da comida.
Fomos recebidos com entradinhas teoricamente interessantes: brusquetas de tomate e queijo. Na verdade eram torradinhas com uma pasta seca horrorosa e mal preparada, nem a estética nem o gosto conseguiram me convencer. Em seguida, sopa no pão italiano. Mais uma vez, economia nos ingredientes e cretinice na preparação. Nos foi servido um capeletti seco dentro de um pão tipo italiano que deixou a sopa com aspecto barato e sem graça. Em seguida, salada de radicci com bacon e fatias de tomates verdes do tamanho de um CD. Um horror. Na seqüência, as massas. Todas mal executadas e preparadas com molhos prontos (polpa de tomate daquelas que se compra apenas por questão de economia). Se tratando de comida, a experiência foi pra lá de ruim e decepcionou a todos que esperavam uma luz no fim do túnel, se tratando do cenário minguado de restaurantes que a cidade tem. Sem falar nos guardanapos baratos que pareciam papel higiênico daqueles antigos dobrado ao lado do prato. Mau gosto, gente, mau gosto!
Pessoal do Cantina Grill (esse é o nome do lugar), por favor, invistam em um bom chef e reavaliem a questão do rodízio, apostando em ingredientes de melhor qualidade. Existe um público sedento por isso em Chapecó e vocês podem fazer a diferença.
Torço pela mudança!


Um comentário:

Lu disse...

Negrito!!!! Sugiro que tu amplie os teus negócios e abra logo um restaurante em Chapecó. Com certeza vais ganhar muuuuuuito dinheiro, além de dar à população local a oportunidade de comer uma excelente comida. Saudades tuas. Beijos