sexta-feira, 18 de abril de 2008

A pior experiência nipônica da história

Minha gente brasileira, na terça à noite, saímos para comemorar o aniversário da Lu com alguns amigos. Todos na expectativa de conhecer um novo japonês e ampliar nosso repertório de restaurantes. Fizemos uma reserva no Kazan, que fica na Melo Alves, 343. O restaurante começou mal, não permitindo que a aniversariante e seu namorado entrassem e fossem acomodados sem que os demais chegassem. Nessa, tiveram que ficar nos esperando na porta e vocês já sabem como funciona o trânsito na Rebouças.
Chegamos depois de uns 20 minutos e vivemos um buffet de horrores naquele lugar. Começamos com uma montoeira de calçados espalhados na porta da sala que reservamos no piso superior, deselegante a ponto de parecer uma pista de patinação de quinta categoria, nos acomodaram numa sala minúscula, super apertada e desconfortável, sentados sobre almofadas baratas e bem "ocidentais". Nada legal. Nas paredes, pátinas desgraçadas na combinação duvidosa de amarelo com lilás. A trilha sonora se resumia em "Take my breath away" interpretada pela décima colocada dos piores de American Idol. De doer, minha gente, de doer! O garçom demorou muito tempo para nos atender e foi um profissional de merda, definitivamente, dando apenas um cardápio para cinco pessoas e vivendo a plenitude do "não servir". Se tem uma coisa inaceitável é garçom de má vontade e que te atende com descaso, e é desse tipo de gente que eu tô falando.
A comida não tava tão ruim quanto o lugar e seus serviços, mas não surpreendeu, porém, dentro do pacote de grosserias e indelicadezas, poderia resumir o Kazan como a pior experiência nipônica da história. Diria que poucos lugares poderiam batê-lo no quesito mal atendimento e falta de bom senso.
Se não quiser ser mal-tratado num lugar de mau gosto, sugiro que não coloque seus pés naquele lugar, ao menos que seja masoquista.

Um comentário:

Ricardo Cohen disse...

hehhehheeh Realmente nada pior que ser mal atendido. Ja fui garcon, por quase 2 anos e olha, eu era o melhor...uma coisa que me irrita profundamente foi a invencao: "coca com gelo e LIMAO". Poxa, odeio limao, e sempre que eu peco sem, vem com limao..impressionante. Eles nunca prestam atencao....e olha que SP tem fama de ter o melhor servico do pais. heheeee adorei o blog, teo.
abraco
Ricardo Cohen